domingo, 9 de agosto de 2009

Fala comigo!

Messenger ligado de madrugada, 300 e poucos contatos on-line e nenhum de meu interesse. Os artigos por terminar são mais importantes que esse programinha inútil minimizado aqui do lado. São tantos prazos, tantas leituras, tantas coisas a fazer. Aí ele entra. Ele é assim... um amigo colorido da nova era. Com um nick despretencioso, sem muito enfeite (seu nome e mais nada), consegue me desarmar, me tem nas mãos e não sabe disso. Mudei de idéia! Pensando bem se eu acordar cedo amanhã consigo dar conta do recado. Por que não largar o estudo um pouquinho só pra bater um papo?
Ele bem que podia falar comigo. "Fala comigo, vai!" Toda vez eu inicio a conversa! E depois do auge faz-se um "silêncio" mortal, uma ausência de caracteres digitados que põe qualquer um à beira da loucura... Não falo! Ou falo? O messenger criou uma mensagem pessoal que se analisada dá até livro (um novo gênero textual que dá o que falar). Quem nunca mandou uma mensagem subliminar para alguém por ali? É o que vou fazer. Mudei meu nick.
Nada. Homens geralmente têm dificuldade de entender nas entrelinhas. Vou desconectar e conectar de novo. Aí ele vê que eu estou aqui. (...) Nada ainda. Por que ele não fala comigo, ein?! E nesse dilema existencial foram-se minutos que transformaram-se em horas. Está tarde, chega de orgulho, vou falar:

Eu (01:30): Oi!
Ele (01:35): Oi, sumida! Vc por aki... Qto tempo!

comentário: Minha Nossa Senhora dos Usuários do Messenger... Eu estou sempre on-line! Mesmo quando não estou na frente do PC. Como assim eu sumida???

Eu (01:36): Nossa, mas estou por aqui sempre... vc q n fala :P Como estão as coisas, td bem?
Ele (01:40): Td bem. Na correria de sempre.
Ele (01:45): Menina... mas qto tempo mesmo... qd nos vemos de novo?

comentário: Ele mora na mesma cidade que eu, tem meu telefone, ficou de ligar e não ligou. Ainda vem com essa!! O.o

Eu (01:47): uai! Vc q sabe! Eu não quero atrapalhar ninguém. É só marcar.
Ele (01:48): Ah é? Precisamos ver isso urgente então. To com saudades.
Eu (01:48): :)

comentário: ... ¬¬ saudades é? Será que ele sabe que eu sou eu... ou tá me confundindo com alguém da agenda dele?

Eu (02:00): Olha... Vou dormir. Passei só pra dar um "oi" mesmo.
Ele (02:01): Nãooooooooooooooooooooooo... poxa... mas agora? Fica um pouquinho mais
Eu (02:01): Não dá. Está tarde. Além do mais os grilos aqui da rua estão conversando mais do que a gente :P
Ele (02:02): Demorei a responder, né? Desculpa, gatinha, é que eu tava instalando umas coisas aqui. Vai lá. Depois eu te dou a atenção que vc merece.

comentáro: a desculpa da instalação de programas duas vezes com a mesma pessoa não cola...

Eu: (02:05): boa noite. se cuida. :**
Ele: (02:06): boa noite. dorme bem. sonha comigo.

sem comentários

Por milhões de vezes durante a conversa pensei em bloquear ou excluir essa criatura dos meus contatos. Mas não consigo ter raiva não. Melhor assim. Raiva faz mal pra pele. Vou dormir que amanhã tenho mil coisas pra fazer e os artigos pra terminar. A todos uma boa noite.

(Grazielle Santos Silva)

* Pôster do filme "You've got mail"

9 comentários:

E. Modanez disse...

Hey Grazielle!
Sabe que já passei por situações semelhantes? Pois é, não sei qual o motivo que me leva à ligar o MSN quando tenho trabalho para fazer no PC. Talvez saiba... talvez seja essa vontade conversar com alguém interessante, daquela que possa rolar alguma coisa a mais... risos... ou realmente quando sinto saudades de algumas pessoas. Mas é verdade, quando isso acontece fico até mais tarde trabalhando, ou pior! Deixo para o outro dia...

Pétala disse...

Ameeeeeei, de paixão, esse post! Com qual dos usuários do messenger isso já não aconteceu uma vez na vida? Passei todo o mestrado conversando no msn enqto digitava a dissertação. Faria de novo? Sim. Mas em menos quantidade, acho q daria mais tempo pra mim. Tem certas desculpas que não colam. Não fico com raiva. Mas o q sempre acontece, qdo a gente espera outra coisa, um dia enjoa. Enjoa mesmo.

Parabéns pelo post! O máximo!
Beijos e pétalas.

Welton Nogueira disse...

Tsc, tsc!

Thito disse...

Os homens não conseguem ler nas entrelinhas e as mulheres leem as coisas com lupa e acabam vendo coisas demais.

kkkkkkkkkkkkkkkk

Dany disse...

¬¬'
Simplesmente ¬¬'


Bjus, Grazi! :)

J.F. de Souza disse...

Hehehehehehehehehe...

Faço minhas as palavras do camarada que deixou o 1ro comment!

=)

=*

meus instantes e momentos disse...

muito bom o texto.
Pra que raiva??? mas amanhã começa igualzinho tudo outra vez...
Maurizio

joel disse...

To gostanto muito de seu blog.O texto retrata com bom-humor o que realmente acontece no dia-dia.

Janaina disse...

Adorei! Quantas e quantas vezes eu já passei por isso... rsrsrs! Te falar? Desconfie de homens que nunca te dão papo mas sempre te chamam de gatinha e te pedem para ficar... Olha que tem gente que deve estar merecendo sua atenção bem mais, hein? Adoro seus textos!

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...